Perceção de Saúde, Atividades Preferidas com a vida em Turistas no Destino Açores

Resumo:

Na contemporaneidade, assiste-se a uma mudança de paradigma nas dinâmicas, hábitos e estilos de vida das pessoas idosas, que investem em benefício próprio, lazer e viagens. Há autores que falam em “Novos Idosos”. Esta mudança permite-nos refletir sobre o envelhecimento ativo ligado a um turismo sénior que promova a saúde, em geral, e o bem-estar psicológico e a satisfação com a vida, em particular, no caso de turistas que visitaram os Açores nos últimos dois anos (n=697; idades: 55-94 anos). Com este estudo pretende-se compreender as atividades desenvolvidas pelos turistas seniores (entenda-se 55+ anos) que promovem o seu bem-estar; analisar a relação entre a perceção do estado de saúde e as atividades preferidas pelos turistas; cotejar a perceção entre o estado de saúde e variáveis sociodemográficas; e verificar a relação entre Satisfação com a Vida (SV) e: i) variáveis sociodemográficas; ii) perceção do estado de saúde. Aplicou-se um Questionário de Turismo Sénior e a Escala de Satisfação com a Vida (versão portuguesa da Satisfaction With Life Scale de Diener et al., 1985, validada por Simões, 1992). Com recurso a testes não paramétricos, foi possível concluir que as atividades ligadas ao mar e a experiências termais variam em função da faixa etária (os mais velhos procuram o contacto com o mar e os mais novos as experiênciastermais); estas atividades variam em função da SV (os menos satisfeitos procuram mais o mar, e os mais satisfeitos as termas); as atividades associadas a festas e diversão, assim como a SV, variam em função das habilitações académicas (até ao ensino básico procuram mais as festas populares, embora tenham uma menor SV, relativamente aos restantes turistas seniores da amostra); a perceção do estado de saúde varia em função da SV (os que percebem a saúde como excelente apresentam níveis superiores de SV).

Palavras-Chave: Perceção de saúde; turistas seniores e bem-estar; satisfação com a vida, atividades preferidas.

Referência: Silva, O., Tomás, L., Vieira, V., Santos, C., Furtado, S., Moniz, A., Ferreira, J., & Medeiros, T. (2019). Perceção de Saúde, Atividades Preferidas com a vida em Turistas no Destino Açores. In S. N. Saúl (Ed.) Proceedings of Perceção de Saúde, Atividades Preferidas com a vida em Turistas no Destino Açores. In V Congresso Ibero-Americano e LusoBrasileiro de Psicologia da Saúde & I Congresso Promoção da Saúde e do Bem-Estar no Ensino Superior, (pp.165-172). CIEO-Research Center Spatial and Organizational Dyamics University of Algarve. https://5826bef9-cc99-4336-ac9d-de68e1271853.filesusr.com/ugd/30a75f_a5ab8d78c3b941229110f5514861dcf1.pdf

Clique em Perceção de Saúde, Atividades Preferidas com a vida em Turistas no Destino Açores para aceder diretamente à publicação.